sexta-feira, 24 de junho de 2011

A visita...



Estive com um mestre da Clan essa noite, senhor de aparência bem velhinha já, mas com um sorriso e disposição de um jovem muito sagaz, forte... um senhor sábio daqueles que td que diz tem duplo sentido e deve ser muito bem analisado pra absorver realmente o ensinamento que ali ele quis passar... tínhamos acabado de sair de um trabalho cansativo cheio de testes... estava feliz em "ter encontrado o caminho de volta" rs
Lembro que nós estávamos repousando na grama, meio sonolentos, enquanto esperávamos os outros voltarem... alguns conversavam, alguns apenas refletiam... alguns observavam... e foi então que o mestre entrou enchendo de luz e perfume o local... nesse momento, como se fosse uma visita muito esperada, despertou a atenção de todos que sentaram prontos pra ouvir seus grandes ensinamentos... e foi com surpresa qdo ele sentou numa pedra e disse que acabara de chegar de uma viagem longa que fez e que nessa viagem tinha ganho muito dinheiro, o suficiente pra não ter dificuldades na "vida", nem preocupações esperando em "casa"... acredito que alguns pensavam nisso... na volta... que hj em dia é algo tão doloroso pra alguns de fazer... voltar pra ilusão... achei um comentário simples pra um mestre como ele fazer ali (astral) pra gente... mas senti que ele queria apenas conversar normalmente...sei lá...
O intrigante foi ele dizer que conseguiu muito dinheiro e que dividiria com a gente se quiséssemos... imagina vários olhares desconfiados...rs  Se tornou uma brincadeira atrativa... Então, todos muito concentrados, começamos a observar os gestos e expressões do mestre, pra não perder nenhuma dica...
Então ele tirou do bolso um cartão de banco... e começou a passa-lo pela nossas vistas... e dizia mais uma vez que a quantia era absurda, e que quem realmente quisesse obter metade de td aquilo ele daria sem se importar... ninguém piscava, esperando começar a dizer a "receita" do grande bolo...!!! Passava ele pra lá e pra cá, como se seduzisse a gente com a idéia...
Depois de alguns minutos o mestre ri e diz... ok, o tempo de vcs acabou... e ninguém quis a metade da minha riqueza...!!! e ainda brincou como a gente falando como estávamos evoluídos e não ligávamos pro material...
Ai todo mundo olhou surpreso até que um disse: Mas não ía nos ensinar como conseguiu mestre???
E ele sarcasticamente terminou a conversa por dizer... não, eu descobri sozinho!!! só ofereci o dinheiro!!!  quando vcs estiverem prontos pra agarrar uma riqueza, não pensem duas vezes ao pedir (pegar), e não desperdiçar uma oportunidade quando ela desfila na frente de vcs, por mais absurda que ela possa aparecer... era só ter me pedido... eu disse que daria, não havia segredo algum nisso... colocou o cartão no bolso e continuou caminhando rindo de tal ensinamento...
Não me esqueço daquele rosto expressivo já pelo tempo e experiência... a voz dele na minha mente gritando satiricamente... "poderia ter pego...não ignore as oportunidades por mais absurdas que elas pareçam... era simples demais e por isso ninguém quis!!!"


**moral da história pra mim... não pense duas vezes ao pedir ao seu "mestre" ajuda... ele não tem obrigação de te ensinar se vc não pedir o ensinamento.... kkkkkk seja esse mestre uma pessoa, ou a própria vida!!! E... nos joguemos de cabeça... sem medo!! o maior desafio é vencer o próprio ego e admitir que as coisas devem ser mais simples do que esperamos, a gente que complica.



Adorei a visita!!! 

4 comentários:

  1. ¬¬, tb sonhei coisa bem parecida....!..sonhei com um trabalho, longo, cansativos testes,, era escuro... noite... mata...... e detalhe.. minha mãe tb!

    ResponderExcluir
  2. dãrrr..... vcs estavam lá...rsss

    ResponderExcluir
  3. risos, se é o mesmo que eu sempre vejo nos rituais, nos observando, eu conheço bem o sorriso e o jeito sagaz!!!

    ResponderExcluir